LASER ÍNTIMO FEMININO

Laser Íntimo 03.jpg

Olá Meninas... tudo bem com Vocês? Esperamos que sim!

Desde o nascimento o corpo feminino passa por diversas fases ao longo se sua trajetória de vida. Cada uma destas fases é marcada por grandes transformações, gerando encantamento, mas também dúvidas, sendo algumas boas, outras nem tanto. Mas, o mais importante é que tenhamos sempre uma meta: viver bem, saudáveis em paz com nosso corpo, suas transformações e com a melhor qualidade de vida possível.

Nós acreditamos que a saúde íntima da mulher merece um destaque e atenção em todas as fases da vida, pois os seus hormônios agem de forma diferenciada com o passar dos anos. E como já sabemos, todos os dias nossos hormônios controlam boa parte de nossas reações, comportamentos, sensações, etc...

O que é laser vaginal ou laser íntimo?

O laser vaginal ou laser íntimo surge neste contexto atuando como terapia não invasiva de auxílio na busca ou manutenção da qualidade de vida das mulheres. São ondas de calor irradiadas de forma fracionada e controlada emitidas através de um moderno aparelho no tecido íntimo, podendo ser usado na área interna ou externa, a depender do caso. O equipamento possui diversas calibragens e ponteiras específicas, podendo ser utilizado tanto na área íntima interna, quanto externa.

Os equipamentos mais conhecidos são o Laser de CO2 para Rejuvenescimento Vulvovaginal MonaLisa Touch ou simplesmente Laser MonaLisa e o Laser de Erbium sendo o Etherea e o Fotona seus representantes. Ambos são aprovados pela Anvisa para uso médico, eficácia comprovada em diversos países, oferecem uma ampla plataforma de indicações terapêuticas, inclusive no tratamento íntimo feminino. Embora sejam tecnologias distintas, mostram eficácia semelhante. Nós temos disponibilidade de tratamento utilizando os dois equipamentos, bastando agendar previamente.

Acreditamos que o uso do laser íntimo é uma boa opção de procedimento a ser feito a fim de ajudar as mulheres a se sentirem como elas mesmas novamente. Leia um pouco mais do porque disto...

O lhe direcionará há um vídeo rápido, mas bastante esclarecedor sobre o uso do laser MonaLisa Touch de CO2 fracionado publicado pela Orange Coast Women's Medical Group detalhando melhor a funcionalidade do laser de CO2 fracionado MonaLisa. Clique no link a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=iPMKtNxH03k&t=99s

4.1B Laser -Mulher Tecido.jpg

Indicações do laser íntimo

​​​Em geral, o laser já é bastante utilizado no país em outros procedimentos dermatológicos. Na região íntima feminina, o uso do laser vem sendo usado de forma comprovada no tratamento do ressecamento vaginal e no aumento de vascularização desta área. Também é usado no clareamento da virilha, vulva e ânus, no preenchimento dos grandes lábios e na melhora da incontinência urinária, dentre outras funções. O uso laser no local e dosagens apropriadas irá proporcionar o estímulo na produção de colágeno e elastina no tecido, e com isso proporciona o rejuvenescimento da pele. Seu uso é indicado em pessoas adultas ou idosas, desde que plenamente saudáveis.

Na menopausa, pela falta dos hormônios femininos é muito comum ocorrer o ressecamento vaginal, ocasionando a redução ou ausência da lubrificação, podendo causar inclusive fissuras crônicas durante a relação. E isto normalmente pode atrapalhar a relação sexual, dentre outros desconfortos em diversas ocasiões, tais como na hora de urinar, na higiene íntima, corrimento, etc... Quando isto ocorre, o conforto e a funcionalidade da região íntima poderão ficar alteradas. 

O laser também é indicado na melhora da lubrificação íntima de pacientes após tratamento de câncer de mama.

Outra forma de uso do laser é no tratamento de pacientes que sofrem de Fissura Vaginal Crônica, nome dado ao corte que abre na entrada da vagina toda vez (ou quase) que ela tem uma relação sexual. Quando a fissura abre, pode ocorrer ardência local, principalmente na hora de urinar, dor e sangramento durante e as vezes depois da relação sexual. Esta disfunção pode acontecer em qualquer fase da vida. Enfim, o que mais prezamos que é a qualidade de vida fica abalada.

Contraindicações e efeitos colaterais do laser íntimo

Praticamente não existem contraindicações absolutas. Mas antes do início do tratamento deve ser feita uma avaliação pelo especialista para avaliar se a rotina ginecológica está em dia afim de verificar a saúde da mucosa vaginal e colo de útero e avaliar se há algum processo infeccioso ou inflamatório vaginal ou urinário, pois nestes casos é necessário tratar antes de iniciar as sessões do laser íntimo.

Outra contraindicação é a presença de feridas abertas, no caso das pacientes que tem fissura vaginal e que tem indicação de laser não poderá está com a ferida aberta no dia da sessão. Primeiro é necessário tratamento para fechar a ferida e só após fechada podemos iniciar as sessões do laser.

Contraindicações absolutas:

   - Gestante;

   - Durante a menstruação;

   - Menores de 20 anos;

   - Usuárias de marcapasso;

Após 4 meses do parto já pode ser avaliado o uso do laser íntimo, que neste caso terá benefício na melhora da flacidez vaginal e do ressecamento da amamentação.

O laser não tem hormônio e nem estimula produção hormonal portanto as pacientes que tiveram câncer de mama não têm contraindicação para fazer o tratamento com laser. Pois uma das consequências do tratamento do câncer de mama é a evolução mais rápida para atrofia e ressecamentos íntimos, portanto quem teve câncer de mama podem e devem fazer o tratamento com laser íntimo.

Em relação a efeitos colaterais, são mínimos e a maioria das pacientes não sente nenhum desconforto durante o procedimento e após será orientado cuidados para ajudar na resposta do laser e melhora de pequenos desconfortos que podem surgir, mas são raros. Deve-se evitar demasiado esforço por 3 dias e evitar relação sexual por 1 semana após cada sessão do laser.

​​Quais benefícios e resultados esperados no após realização deste procedimento?

Após o término das seções, observamos em nossas pacientes que se submeteram ao procedimento uma melhora bastante significativa sobretudo da autoconfiança e auto estima perdida no decorrer dos anos. Quanto aos resultados irá depender de qual foi o tratamento proposto de acordo com as queixas da paciente. E dentre os muitos resultados esperados teremos uma visível e significativa melhora na lubrificação da região tratada, aumento da elasticidade da vagina, melhora estética dos grandes lábios e da vulva, clareamento de virilha, redução das queixas de incômodo no dia-a-dia e de dor na relação sexual, bem como seu aumento da sensibilidade e, por consequência, aumento da libido. Além disto, há também menor perda de urina quando existe anteriormente esta queixa.

Esta melhora acontece porque o laser quando é aplicado sobre o tecido da vagina ocorrem micro lesões na superfície onde a energia está sendo aplicada. Ao cicatrizar estas lesões vai haver um estímulo na produção de colágeno, de elastina, e na melhora da circulação sanguínea da região em tratamento. Com isto, o tecido desta região se torna mais firme, mais elástico e espessado. A mucosa vaginal recupera sua funcionalidade que havia perdido devido ao envelhecimento natural, recuperando a hidratação, tônus e a sensibilidade.

4.1C Laser - Mulher Adulta ao Telefone.jpg

Posso fazer seções de laser íntimo estando usando DIU?

Sim, quem usa DIU, Implanon ou implantes hormonais podem fazer o tratamento do laser íntimo.

Como é feito o tratamento com o laser vaginal?

Inicialmente fazemos uma avaliação individualizada a fim de conhecermos melhor a paciente, suas queixas e o que ela espera com o resultado. Nesta consulta de avalição será definida a melhor técnica a ser usada, sanar suas dúvidas, alinhar expectativas e deixa-la mais familiarizada e confortável com o procedimento.

O tratamento interno é realizado com a inserção de um equipamento que fornece estimulação direta do laser na mucosa vaginal. O tecido vaginal será rejuvenescido de forma natural através desta ação terapêutica que irá estimular a produção de colágeno e elastina.

Geralmente são indicadas pelo menos 3 sessões com intervalo mínimo de 30 à 45 dias, podendo ser necessária a complementação em alguns poucos casos. Entretanto, seus benefícios já começam a ser notados desde a primeira sessão.

Cada seção é bem rápida, sendo normalmente entre 20 a 30 minutos, antecedidos de 30 min de ação de anestésico tópico, permitindo o rápido regresso às atividades habituais. ​​O procedimento é feito em consultório e pode ser realizado em qualquer época do ano.

Após um ano, recomenda-se nova avaliação, pois pode ser necessária outra seção de manutenção, o que normalmente com esta nova seção resolve.

4.1 Laser - 1 Médica Digitando.jpg

A aplicação do laser íntimo dói?

Diferentemente do que muitas mulheres imaginam, a sessão do laser é praticamente indolor e não causa incômodo geralmente. Lembrando que estes procedimentos tais como o laser somente devem ser realizados por médicos devidamente capacitados. E para garantirmos o mínimo de desconforto, usamos um creme anestésico. Então, não se preocupe com esta possibilidade de dor, pois normalmente isto não ocorreará , ok?

Durante a sessão, a paciente sente um leve calor na região aplicada, mas bem suportável, de acordo com os relatos das pacientes. No pós-seção orientamos cuidados para melhora da resposta do laser uma compressa fria para aliviar algum desconforto que em poucos casos podem existir e abstinência sexual por uma semana. 

O que fazer antes do procedimento e o que não fazer?

Antes do procedimento é importante estar com sua rotina ginecológica em dia, evitar o uso de lubrificante íntimo na semana do laser e evitar relação 2 dias antes.

Quanto custa uma seção de laser?

Como o tratamento do laser é personalizado os valores serão passados pelo profissional após avaliação inicial e definição da proposta de tratamento. Mas as sessões giram em torno de R$ 1.000 a R$ 1.800 dependendo do objetivo e da área a ser tratada.

Outras indicações para uso do Laser Íntimo na mulher:

    - Clareamento íntimo;

    -  Fissura vaginal;

    -  Flacidez vaginal;

    -  Incontinência urinária feminina.

    Leia também sobre o Peeling ou Clareamento Íntimo clicando neste link.

 

    Muito obrigada por ter me acompanhado neste post até aqui!

E se gostou deste conteúdo, compartilhe este conhecimento para que Eu e Você juntas possamos ajudar outras pessoas a buscar ou manter nossa qualidade de vida.

Dra Karla Frota

Ginecologia; Obstetrícia; Sexualidade; Laser e Peeling Íntimos

CRM DF  -  16765